Vitrine Desktop

NOTA OFICIAL MRV- Sítio arqueológico Chácara Rosane localizado em terreno da MRV em São Luís (MA)

08 de outubro de 2021
< Voltar
Home Releases NOTA OF

Como é de conhecimento público, a MRV, em parceria com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e a equipe de arqueologia responsável, W Lage Arqueologia, localizou um sítio arqueológico em um terreno de sua propriedade no bairro Vicente Fialho, na cidade de São Luís (MA). O fato movimentou a imprensa nacional e internacional na última semana, com a constatação da magnitude e do valor inestimável do achado, que já conta com 43 esqueletos e mais de 100 mil peças arqueológicas.

A existência do sítio arqueológico havia sido detectada já no processo de legalização do terreno. A partir daí, iniciaram-se as tratativas legais para operar o empreendimento imobiliário dentro das normas do Iphan.

Desde o início das atividades relacionadas à arqueologia, a MRV viabilizou as operações e atendeu a todas as exigências legais, para um trabalho contínuo e em consonância com as orientações técnicas do Iphan – fazendo deste, inclusive, um parceiro de constante presença no canteiro. O diálogo entre as partes sempre foi pautado nas soluções técnicas do trabalho e nas tratativas referentes ao andamento da execução do empreendimento.

A MRV apoiou ativamente o melhor desenvolvimento das atividades em campo, contratando colaboradores extras para suporte da equipe técnica, fornecendo suporte para o processo de escavação nas obras e permitindo o acesso de estudantes e profissionais externos no canteiro, para conhecimento do sítio e aulas práticas.

A MRV forneceu também estrutura para preservar a integridade dos achados – áreas isoladas, salas climatizadas, caixotes sob medida para os achados mais sensíveis, dentre outras ações no trato diário das atividades.

A descoberta da expressividade do sítio ocorreu durante monitoramento arqueológico recente; MRV, Iphan e Universidade do Maranhão (UFMA), em parceria, decidiram sobre a construção do Centro de Curadoria e Guarda, que será o abrigo dos achados arqueológicos. O Centro encontra-se em etapa de aprovação de projeto; uma vez aprovado, será construído pela MRV no campus da universidade, cuja equipe de arqueologia será responsável pela coordenação, além da curadoria e acondicionamento dos achados. A MRV estima investir cerca de R$ 1 milhão de reais na preservação dos achados.

A MRV reitera seu orgulho em contribuir com o salvamento e guarda de um testemunho tão importante e indispensável da longa história de ocupação humana na ilha de São Luís. A empresa reconhece a importância de promover a conservação do patrimônio histórico-cultural e expressa o seu compromisso contínuo no apoio à pesquisa arqueológica e à preservação da história.

O manejo inteligente, eficiente e adequado dos achados de São Luís demonstra o valor de um desenvolvimento imobiliário responsável e técnico, feito com um olhar de cuidado e respeito com a história, capaz de garantir que o patrimônio histórico do Brasil possa ser descoberto, estudado, preservado e revelado para toda a sociedade.

Releases Relacionados

Projeto Escola Nota 10 conquista prêmio The Construction Industry Sustainability Awards da Young Presidents' Organization


15/02/2024

NOTA OFICIAL MRV- Sítio arqueológico Chácara Rosane localizado em terreno da MRV em São Luís (MA)


17/01/2024

MRV oferece última oportunidade de adquirir primeiro imóvel com preços de 2023


10/01/2024